terça-feira, 23 de novembro de 2010

João, de Cláudio, faz aniversário


bom, hoje volto a esse espaço por um motivo muito especial. dessa vez não venho reclamar da falta de tempo (essa que não me deixa postar semanalmente, como pretendia) e nem da falta de sensibilidade de alguns convívios. venho por que aprendi que há momentos em que é preciso dizer algo de que o coração esteja cheio por que não dizendo, corre-se o risco do tempo levar nossas palavras (e palavras idas não voltam, não é mesmo... e portanto...).

quero, apesar do cansaço e avançar das horas (com os olhos já formigando de sono), reunir o que ainda há de força física (já é quase uma da manhã e quem me conhece sabe que não costumo dormir tão tarde) para abraçar um grande amigo que hoje completa mais um ano de vida.

João Paulo Costa é daqueles amigos que com o tempo a gente vai conhecendo melhor, justificando (e compreendendo) cada atitude, cada comportamento, e quando nos damos por nós, pronto, virou irmão.

nesse "evoluir" a gente vai ajustando a forma mais intensa, verdadeira e completa de gostar de uma pessoa, de considerá-la.

(sempre aprendi muito com esse Claudiense - de Cláudio-MG - de fala atropelada e timbre militante.)

João, de Cláudio (como costumo dizer), desejo todo sucesso do mundo, muita saúde e muito trabalho. Que antes de qualquer coisa, você possa conservar essa sua coragem, essa garra, por que como já te disse noutras oportunidades, o dia em que você desistir, meu amigo, FU...$%#$@#$, eu também desisto.

Sorte! Que nossa irmandade seja eterna. Feliz Aniversário!

(pronto, é isso. se fosse homenageá-lo como de fato você merece, não seria caso de um post, mas de um livro. e dessa vez não tem loucura de vídeozinho e viagem à Cláudio para passar horas escondido atrás de um caminhão para te fazer cair numa pegadinha, que você não caiu. (eu e raphael né...).
depois daquela vez decidi não lhe preparar mais nenhuma surpresa. vai ter que se contentar com um postizinho no blog e uma lembrancinha que te comprei, mas que nem sei como te entregar (nossos horários e lugares andam tão divergentes né...)

abaixo, uma musiquinha que foi (e talvez ainda seja) meio que um hino pra gente (eu, você e raphael), nessas nossas andanças e viagens malucas.

Felicidades, irmão!

Um comentário:

Anônimo disse...

Nélio Souto, de São José do Jacuri;

Meu irmão-amigo!(Jornalista,ator, produtor, poeta e louco...rs)

Obrigado pelo carinho e consideração!

Um post em seu blog falando de mim só me envaidece e me traz a exata dimensão do que conquitei contigo: uma verdadeira e sincera amizade mineira, bem bairrísta e interiorana...

Saiba que cultivo nossa amizade como uma pérola, como uma jóia rara!Você e Raphael consolidaram o brilho desta pérola...

Ressalto, no entanto, que não quero ver esta pérola como algo que pode ser retirada por outrem e ser colocada como adorno em qualquer outro lugar...a vejo como uma pérola que cabe aqui dentro,bem perto do meu coração que é o seu lugar de direito...

Que Deus Pai o abençõe em realizaçoes e sucesso e que nossa amizade continue a reluzir a brancura de uma cristalina pérola!

Seu irmão menor,
João Paulo Costa Jr, de Cláudio/MG.