quarta-feira, 8 de abril de 2009

Quem nunca bebeu no Maleta?



Acho que finalmente tenho conhecido e aproveitado Belo Horizonte no que ele tem de mais diferente e aprazível, sem ficar na mesmice da Savassi.
Depois de uma passada por Santa Tereza no final de semana, resolvi visitar o Maleta e jantar na Cantina do Lucas.

Bom, pra quem não conhece, o Edifício Maleta é um edifício histórico em Belo Horizonte. Localizado nas esquinas da rua da Bahia com avenida Augusto de Lima, o complexo abriga apartamentos e um centro comercial com livrarias, lojas de cds e os tradicionais bares mineiros (com os tradicionais petiscos mineiros).


Os freqüentadores do espaço são moradores e visitantes, entre esses, músicos, estudantes, poetas, artistas de variadas classes, hippies, mendigos, vendedores de flores, bombons, ímãs de geladeira, chicletes, entre outros produtos com razoável aceitação no mercado informal. O espaço é um tanto democrático.

O Maleta foi o reduto boêmio da cidade na década de 60 e 70 e na verdade ainda o é. Com uma gastronomia variada onde é possível encontrar pratos que variam de 47,00 reais à porções de 6,90, é comum se atentar à conversas na mesa ao lado e ouvir acirradas discursões freudianas ou alguém dizendo o texto de algum Hamlet da vida. Dá de tudo no palco do Maleta.

Fica aí a dica para quem ainda não conhece.

Ao som de Favela Beat, de Beatchoro

3 comentários:

João Killer disse...

Nunca fui....=/
Bom não que eu me lembre. Mas após tantos elógios aqui lidos, terei que ir. Aceitos convites.

Liv Milla disse...

Sinto falta dos seus comentários nos meus textos...



Quando eu for aí, quero conhecer esse lugar!!!

Nelio Souto disse...

Liv e João, estão convidados. Espero que possamos nos encontrar em breve.

Abraço!